Quedas das crianças!

Quedas das crianças…. Uiii… Assunto sério, muito sério!!

Devo dizer que já começo a ficar calejada… mas só na parte do momento da queda… Confusas?!? Eu explico…

Hoje, decidimos convidar uns amigos para cá virem almoçar aqui em casa, e claro que como todas as Donas de casa (desesperada no meu caso), gosto de receber bem, e apesar de ter a casa minimamente limpa e organizada, gosto sempre de receber as pessoas que convido num ambiente mais limpo e mais “cheiroso”. Assim, levantei-me às 9h00 para assim ter tempo de tomar o pequeno almoço, dar uma aspiradela e arrumar umas coisas e arranjar uns últimos pormenores (o almoço). Bem, estava eu no meu quarto a arrumar a minha bijuteria (que é imensa e qualquer diz faço uma reciclagem) quando de repente oiço: “PUUUMMMMMMM” no quarto ao lado… Numa fracção de segundos o meu coração parou, e desatei a correr quando ouvi o pequeno M a chorar de forma convulsa e cada vez mais alto… O meu pequenino tinha caído da cama, tinha estado a saltar em cima dela depois de eu lhe ter avisado 100 milhões de vezes para ele não o fazer, e que qualquer dia caia… Hoje foi o dia 🙁

O meu coração de mãe ficou despedaçado ao ver a minha criança aflita e apertar a cabeça… Primeira reacção foi levá-lo ao colo à casa de banho e passar a cabeça com água fria, depois levei-o ao quarto pertinho da luz da janela e ver se algo estava errado (eu sempre a dizer que não era nada de especial, mas sabe Deus o quanto eu rezava para que nada houvesse e não passasse de um susto)… Observei bem de perto, todos os pormenores, perguntei se lhe doía mais alguma coisa e se estava tonto. Tudo Ok!!!

Bem, devo dizer que fico sempre a tremer quando acontecem estas coisas, e tenho apanhado cada susto com ele que só Deus sabe.

Aconselho todos os pais a tentarem manterem a calma numa situação semelhante ou mais grave ainda. Uma criança que vê um adulto assustado, irá fazê-la entrar em pânico (pois para as crianças somos uns heróis e não temos medo de nada) e em situações mais graves toda a calma é precisa. (Sim, eu sei… não é fácil, porque são os nossos meninos, mas pensem que é para o bem delas e é meio caminho para que a criança tenha uma recuperação mais rápida)

Se tiverem a oportunidade de fazerem um curso de socorrismo, aconselho vivamente!! Aprende-se imenso… Em 2011, a quando do meu curso de Técnica de acção educativa, foi me dado um e aprendi diversas ferramentas e formas de agir em situações de stress, sobretudo com crianças. Sabiam que quando alguém ou alguma criança sangra do nariz, a melhor opção para parar o sangue é levantar o braço contrário a da narina que sangra?? Pára num instante!

As crianças são o nosso mundo e por vezes protegê-las vai além das nossas possibilidades. Hoje o meu coração de Mamã está um pouco exaltado, mas reconfortado por tudo ter acabado em bem 🙂

Mãe é Mãe 🙂

Um desabafo de uma Dona de Casa desesperada :)

 

SSD-1574R-08679 - © - Purestock

Fonte da imagem:conversinhademae.blogspot.com

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *