Ser mulher depois de ser mãe… a gestão do tempo

O velhinho ditado popular “não deixes para amanha o que podes fazer hoje” nunca me fez tanto sentido. Aliás, depois de ser mãe sugeria que alterassem para, não deixes para mais tarde o que podes fazer agora! Ou fazemos quando temos oportunidade, ou a oportunidade pode não aparecer nas 24h seguintes.

Quem manda na nossa agenda, a partir do momento que o teste de gravidez anuncia a boa nova são os petizes, e é em função dos seus horários e dos seus estados de espirito que, gerimos o nosso tempo e a multiplicidade de papéis com que nos desdobramos diariamente. Nós mulheres há muito que deixámos de ser só mães. Somos mães, mulheres, donas de casa, profissionais, amantes, amigas, colegas,… e espera-se sempre que sejamos todas elas a 100% e sempre com um sorriso na cara! Esta exigência criada principalmente por NÓS PRÓPRIAS, obriga-nos a ser super-mulheres todos os dias! Queremos fazer tudo, como se não houvesse amanha! Porque acreditamos que só se for feito da nossa maneira, com o nosso método, a coisa resulta e depois queixamo-nos que estamos cansadas, que somos nós que fazemos tudo! E claro que somos, porque muitas vezes não aceitamos as ajudas e quando aceitamos, reclamamos sempre de alguma coisa!

Temos de aprender a relativizar e principalmente a delegar!

Patrícia Pereira

http://maesemlivrodeinstrucoes.blogspot.com

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *